100%

Projeto que institui o Programa Parceiro da Saúde do Idoso é aprovado por unanimidade de votos

O Projeto de Lei do Legislativo 33/2018 de autoria da vereadora Marilane Fiametti Stuani (MDB) que institui o Programa Parceiro da Saúde do Idoso. O objetivo é permitir que possam ser construídas parcerias público/privadas para melhorar este atendimento.

Marilane destacou na tribuna, os dados apresentados no projeto buscados junto a Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Habitação que são atendidos em Concórdia pelos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS).

Na área de abrangência do CRAS Delfina Joana Frigo Saretta estão cadastrados em torno de 260 idosos em situação de vulnerabilidade, sendo que 29 estão inseridos em grupos do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à família. Outros 12 estão sendo acompanhados por meio de Serviço de Proteção Social Básica no Domicílio.

No CRAS Diva Aurora Tagliari Crippa estão cadastrados 233 idosos em situação de vulnerabilidade, sendo que 15 estão inseridos em grupos do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à família. Outros 10 estão sendo acompanhados por meio de Serviço de Proteção Social Básica no Domicílio.

Para a vereadora, o projeto é importante porque esta “faixa etária pode vir a apresentar diversos problemas – relacionados a sedentarismo, carência afetiva, perda de autonomia causada por incapacidades físicas e mentais, ausência de familiares para ajudar no auto cuidado e insuficiência de suporte financeiro, além de doenças decorrentes ao fato idade e estilo de vida – percebemos a importância de promover ações que prezem o envelhecimento saudável da população, em especial àqueles que não dispõem das condições materiais necessárias para arcar com essas despesas”.

O Projeto de Lei da vereadora sugere ainda que o município possa conceder incentivos fiscais para as empresas privadas da área de saúde que aderirem ao Programa de Parceria da Saúde do Idoso, nos termos da Lei Federal nº 13.019 de 31 de julho de 2014.

Protocolos desta Publicação:Criado em: 10/08/2018 - 11:20:54 por: Divaleia Salete Casagrande - Alterado em: 16/08/2018 - 09:32:25 por: Divaleia Salete Casagrande

Notícias

Casagrande e Fretta sugerem estudo para utilizar "pedreira do Santa Rita" para instalar Aterro de Inertes e recuperar a área
Casagrande e Fretta sugerem estudo para utilizar

Utilizar o espaço do local conhecido como “Pedreira de Santa Rita” para Aterro de Inertes para destinar resíduos de obras públicas. O pedido apresentado na sessão Ordinária de sexta-feira, 10 de agosto, é dos vereadores Claiton Casagrande (PR) e Mauro Fretta (PSB) para que o Executivo faça uma analise do terreno e possa em longo prazo fazer a recuperação da área em questão.

Projeto que autoriza o Programa de Pavimentação em Sistema Comunitário em Concórdia está aprovado pela Câmara
Projeto que autoriza o Programa de Pavimentação em Sistema Comunitário em Concórdia está aprovado pela Câmara

Moradores interessados em aderir ao Programa de Pavimentação em Sistema Comunitário em Concórdia poderão fazer isto nos próximos meses. O Projeto de Lei 30/2018 de autoria do Poder Executivo que trata da legislação deste sistema foi aprovado por unanimidade de votos em duas votações, nesta quinta e sexta-feira, e agora segue para sanção do prefeito Rogerio Pacheco, para fazer também a regulamentação da legislação

Oito Projetos de Lei foram analisados em primeira votação nesta quinta-feira, nove
Oito Projetos de Lei foram analisados em primeira votação nesta quinta-feira, nove

Os vereadores aprovaram por unanimidade de votos nesta quinta-feira, diversos projetos de lei. Entre elas está o Projeto de Lei 33/2018 que autoriza o financiamento de R$ 3.170.000 no Programa Avançar Cidades, para pavimentar cerca de 1,5 mil metros da Rua Catharina Mafessoni , no bairro da Gruta.  Toda a extensão da rua onde ainda não tem a pavimentação será asfaltada.

Gonçalves pede informações sobre pontos de ônibus
Gonçalves pede informações sobre pontos de ônibus

O vereador Edno Gonçalves (PDT) comentou sobre o Requerimento 134/2018  e o Pedido de Informação 126/2018. Ele solicita que a Prefeitura encaminhe todos os itens solicitados anteriormente dentro de um Pedido de Informação anterior relacionado ao processo do Diagnóstico SocioAmbiental.Os assuntos foram abordados na sessão desta quinta-feira, 9 de agosto.