100%

Casagrande sugere que licitações possam cobrar de empresas sistema de Compliance

O vereador Claiton Casagrande (PR) sugeriu por meio de indicação que o Poder Executivo passe a exigir em editais de licitação pública passem a exigir a implantação de programas de Compliance no âmbito das empresas que celebram contrato de permissão, concessão ou parceria público-privada com a administração municipal.

Conforme o vereador, o objetivo de adotar este sistema é reconhecer e estimular as empresas a trabalharem de acordo com as regras impostas para o segmento a qual pertencem. “Em termos didáticos, significa que as empresas poderão estar totalmente alinhadas normas, controles internos e externos, além de todas as políticas e diretrizes estabelecidas para o seu negócio. E, isto vale para as esferas trabalhista, fiscal, contábil, financeira, ambiental, jurídica, previdenciária, ética entre outras”, comentou.

Para Casagrande, além de ajudar na organização as empresas, e diminuir o fechamento – dados mostram que 50% dos empreendimentos encerram as atividades antes de cinco anos e apenas 20% chegam aos 10 anos de atividade -, o poder público e a sociedade também ganham.

Ele exemplificou a situação com a obra da Escola Básica Municipal Joao Theobaldo Magarinos, que teve serviços que precisaram ser refeitos. “É uma forma de beneficiar a cadeia de atendimento para a população e de cuidar dos recursos públicos de forma ainda mais responsável”, destacou.

CAPS
 Casagrande também destacou o segundo encontro municipal realizado pelo CAPS que tratou da saúde mental, na quarta-feira, 10. Para ele, é um importante assunto que precisa ser trabalhado de forma preventiva.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 11/10/2018 - 15:36:14 por: Divaleia Salete Casagrande - Alterado em: 11/10/2018 - 15:36:14 por: Divaleia Salete Casagrande

Notícias

Márcio Sandro Dal Piva e Jairo Vargas do Prado serão homenageados com o Título de Cidadão Concordiense
Márcio Sandro Dal Piva e Jairo Vargas do Prado serão homenageados com o Título de Cidadão Concordiense

A Câmara de Vereadores de Concórdia realiza na próxima quinta-feira, 25, a Sessão Solene de Entrega do Título de Cidadão Concordiense. Instituída há 50 anos, por Resolução, a honraria que passou a ser prevista depois na Lei Orgânica do Município, estima à entrega para duas pessoas por ano, para aqueles que mesmo não nascidos em Concórdia, dedicaram seu espírito e seu tempo para construir e desenvolver o município nas mais diversas áreas.

Contribuições de melhorias questionadas na Justiça são abordadas na tribuna da Câmara
Contribuições de melhorias questionadas na Justiça são abordadas na tribuna da Câmara

As contribuições de melhorias que estão sendo questionada na Justiça por alguns moradores de Concórdia foram abordadas na tribuna da Câmara de Vereadores. O assunto foi abordado pelo vereador Claiton Casagrande (PR), que citou uma ação judicial que teve uma decisão favorável para o morador que questionou a cobrança. O processo foi movido nos últimos anos, mas envolve pavimentações até mesmo do ano de 2004.
 

Pegoraro comenta sobre necessidade de contratar mais agentes de saúde
Pegoraro comenta sobre necessidade de contratar mais agentes de saúde

O vereador Evandro Pegoraro (PT) comentou na sessão Ordinária de quinta-feira, 11 de outubro, no espaço do Pequeno Expediente, sobre a resposta de um pedido de informação relacionado ao número de agentes comunitárias de saúde que prestam atendimento nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs).