100%

Vereadores querem manutenção de taxa para leite que vem de fora

Vereadores querem manutenção de taxa para leite que vem de fora Vereadores já protocolaram a moção na Câmara
Um dos assuntos que deve entrar em pauta no próximo bloco de sessões na Câmara de Vereadores de Concórdia, que inicia no dia 18, está ligado ao pedido de revisão da medida de suspensão da taxa antidumping - que suspende a tarifa sobre importação de leite europeu e da Nova Zelândia. Uma moção de apelo foi protocolada no Legislativo nesta terça-feira (12) pelos vereadores Edno Gonçalves (PDT) e Closmar Zagonel (MDB).

Eles solicitam que o tema seja discutido em plenário e que a moção seja encaminhada para autoridades nacionais, como o presidente da República, Jair Bolsonaro.  O objetivo é que os responsáveis pelos órgãos possam refletir melhor sobre a revogação desta medida, que poderá sufocar ainda mais a cadeia produtiva do leite em Santa Catarina.

Na justificativa dos vereadores, consta ainda o fato de que Concórdia se destaca na produção nacional de leite, com mais de 100 milhões de litros por ano, e ocupando a 13ª colocação nacional. O documento assinado por Gonçalves e Zagonel considera “que há necessidade de manutenção da cobrança tarifária antidumping, posto que o leite da Europa é altamente subsidiado pela comunidade europeia e que o custo de produção do leite brasileiro é muito maior”.

CADEIA AMEAÇADA

Os vereadores consideram ainda que “toda a cadeia produtiva nacional de leite ficará desprotegida, sem defesa em relação às práticas desleais do comércio, trazendo insegurança e desânimo para o produtor de leite brasileiro”, justificam.

De modo geral, a anulação das tarifas sobre importação de leite europeu pode prejudicar muito o mercado interno, já que a taxa tem o objetivo de evitar que produtores nacionais sejam prejudicados pelo aumento de oferta dos produtos, especialmente os que vêm de fora.
 
Protocolos desta Publicação:Criado em: 12/02/2019 - 15:33:12 por: Daisy Trombetta - Alterado em: 12/02/2019 - 15:33:12 por: Daisy Trombetta

Notícias

Zagonel sugere estacionamento para bicicletas no centro de Concórdia
Zagonel sugere estacionamento para bicicletas no centro de Concórdia

Contribuir com a mobilidade urbana e com o meio ambiente é o grande objetivo do vereador Closmar Zagonel (MDB) através da indicação que sugere a criação de um estacionamento para bicicletas no centro de Concórdia. Ele afirma que os bicicletários poderiam garantir também mais conforto e segurança aos usuários.

Edno quer fechamento da pista de skate durante a madrugada
Edno quer fechamento da pista de skate durante a madrugada

Envolvido nas discussões que envolvem a utilização correta da pista de skate em Concórdia, o vereador Edno Gonçalves (PDT) sugeriu nesta quinta-feira (23) que o local seja totalmente cercado e fechado durante a madrugada. O objetivo da ação seria evitar principalmente o consumo de drogas e bebidas no local.

Guzzato pede UTI móvel para atender Concórdia e região
Guzzato pede UTI móvel para atender Concórdia e região

De autoria do vereador Anderson Guzzatto (PR), e subscrita pelos demais membros do Legislativo, a Moção 18/2019 foi aprovada por unanimidade nesta quinta-feira (23) e pede ao Estado que viabilize uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) móvel para atender Concórdia e região.

Marilane e Casagrande sugerem reconstrução de boca de lobo na Leônidas Fávero
Marilane e Casagrande sugerem reconstrução de boca de lobo na Leônidas Fávero

Indicações distintas, mas com o objetivo comum foram aprovadas por unanimidade nesta quarta-feira (22) no Legislativo concordiense. Os vereadores Marilane Fiametti Stuani (MDB) e Claiton Casagrande (PR) sugerem que seja realizada a manutenção ou reconstrução da boca de lobo localizada na Rua Leônidas Fávero, em frente à caixa de água da Casan, no Bairro Arvoredo.

Projeto que autoriza R$ 6 milhões para reconstrução da Victor Sopelsa e Horácio Sandi é aprovado na Câmara
Projeto que autoriza R$ 6 milhões para reconstrução da Victor Sopelsa e Horácio Sandi é aprovado na Câmara

Aprovado por unanimidade em primeira votação na Câmara de Vereadores, em sessão nesta quarta-feira (22), o Projeto de Lei 40/2019 autoriza, entre outros itens, que o Executivo suplemente R$ 6 milhões em recursos às obras de reconstrução das ruas Victor Sopelsa e Horácio Sandi, em Concórdia. O dinheiro é fruto de um convênio com a União e o local foi atingido por um desmoronamento que desabrigou 18 famílias em maio de 2017.

Demora nos serviços do IGP/IML é novamente debatida na Câmara de Vereadores
Demora nos serviços do IGP/IML é novamente debatida na Câmara de Vereadores

A demora nos serviços e no atendimento do Instituto Geral de Perícias (IGP) e do Instituto Médico Legal (IML) de Concórdia tem sido pauta frequente em diversas esferas e chegou novamente à Câmara de Vereadores na sessão desta terça-feira (21).  Mesmo com diversas cobranças por mais atenção ao órgão, a população ainda é obrigada a conviver com os problemas, enfrentados especialmente nas horas mais difíceis às famílias que perdem entes queridos.

Pegoraro quer estudo de viabilidade para semáforos intermitentes em Concórdia
Pegoraro quer estudo de viabilidade para semáforos intermitentes em Concórdia

Reforçar a segurança de quem trafega em horários noturnos no centro de Concórdia e também melhorar o fluxo em algumas vias centrais. Este é o objetivo da Indicação 410/2019, de autoria do vereador Evandro Pegoraro (PT) e aprovada por unanimidade nesta terça-feira (21). O documento sugere que seja elaborado um estudo de viabilidade para que os semáforos fiquem com sinal de alerta amarelo intermitente em alguns horários.