100%

Suspensão de serviços de coleta de animais mortos em propriedades rurais repercute novamente no Legislativo

Suspensão de serviços de coleta de animais mortos em propriedades rurais repercute novamente no Legislativo Assunto foi debatido pelos vereadores durante a sessão
O assunto é preocupante e recorrente no Legislativo concordiense. O vereador Evandro Pegoraro (PT) trouxe novamente à tona, em sessão nesta quarta-feira (5) a necessidade de buscar alternativas à coleta de animais mortos em propriedades rurais. A empresa responsável pelo serviço na região suspendeu as atividades e não há previsão de retomada.

Pegoraro comenta a nota divulgada pela Cbrasa, empresa responsável pela coleta na região da Amauc, dizendo que não vai retomar o serviço neste mês. “Esse é um problema muito sério para os nossos agricultores. Sabemos que precisa ter esse serviço, são planteis grandes que temos no nosso interior. Lamentamos que o Governo Federal ainda não conseguiu a regulamentação para que possamos exportar esse produto”, diz.

Artêmio Ortigara (PL) afirma que o culpado pela situação seria o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). “Fizeram de tudo para que não fossem liberados os registros à farinha que está sendo produzida com os animais. Tinha todas as licenças e agora que era a parte final, apenas dar a autorização e o registro do produto, simplesmente o órgão fecha as portas e cria todo um problema para a nossa comunidade”, afirma.

O vereador fez questão de registrar na tribuna a indignação quanto ao assunto. “Não podemos mais viver sob essas questões das burocracias. Precisamos desenvolver mecanismos para que as pessoas possam trabalhar, investir, gerar emprego e renda na nossa comunidade”.

Edno Gonçalves (PDT) também frisou que é necessário caminhar ao encontro de uma solução para esta situação, já que ela traria muitos prejuízos aos agricultores da região. “Por falta de organização, de responsabilidade do nosso poder público nacional. Diversos países utilizam essa farinha de carne para o consumo animal. A empresa faria todo o procedimento e exportar, gerando emprego, renda e, além de tudo, estaríamos ajudando o meio ambiente”.

ENTENDA

 A Cbrasa parou as atividades e deu férias aos colaboradores no mês passado. A paralisação, segundo a empresa, teria sido necessária em função da morosidade para a normatização junto ao Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), para que a empresa pudesse comercializar o produto gerado. A expectativa dos prefeitos da região, e da própria empresa, era a de que o trabalho fosse restabelecido neste mês, porém, conforme a empresa, não há essa possibilidade e o serviço permanece parado por tempo indeterminado.
 
Protocolos desta Publicação:Criado em: 06/06/2019 - 10:16:35 por: Daisy Trombetta - Alterado em: 06/06/2019 - 10:16:35 por: Daisy Trombetta

Notícias

Sem obras confirmadas, Zagonel cobra novamente melhorias ao transporte urbano
Sem obras confirmadas, Zagonel cobra novamente melhorias ao transporte urbano

A solicitação é antiga, mas ainda não foi atendida. E por conta disso o vereador Closmar Zagonel (MDB) cobra novamente a modernização do transporte urbano de Concórdia, especialmente no que diz respeito a melhorias no terminal, com construção de banheiros, cercas e bebedouros. A indicação que trata do assunto já foi protocolada na Câmara.

Guzzatto quer psicólogos atuando nas escolas de Concórdia
Guzzatto quer psicólogos atuando nas escolas de Concórdia

Já tramita na Câmara de Vereadores um Projeto de Lei de autoria do vereador Anderson Guzzatto (PL) que sugere a criação do cargo de psicólogo para atuar nas escolas municipais de Concórdia. A ideia, conforme o documento, é atuar diretamente nas questões sociais e emocionais que afetam diretamente o processo de aprendizagem e de convívio escolar.

Após supostas irregularidades em serviços de horas-máquina, vereadores formalizam denúncia no MP
Após supostas irregularidades em serviços de horas-máquina, vereadores formalizam denúncia no MP

O presidente e o vice da Câmara de Vereadores de Concórdia, Mauro Fretta (PSB) e Closmar Zagonel (MDB), respectivamente, entregaram nesta sexta-feira (14) a documentação relacionada às possíveis irregularidades em serviços de horas-máquina no interior do município ao Ministério Público (MP). No Legislativo, já estão em andamento procedimentos paralelos para apurar a situação.

Vereadora Marilane cobra melhorias nas estradas estaduais
Vereadora Marilane cobra melhorias nas estradas estaduais

A vereadora Marilane Fiametti Stuani (MDB) está cobrando mais uma vez as manutenções constantes, como roçadas, pinturas, limpeza de sarjetas e tapa-buracos das rodovias estaduais que ligam o município de Concórdia a outras cidades da região. 

Projeto prevê desconto no IPTU para quem instalar câmeras de videomonitoramento em Concórdia
Projeto prevê desconto no IPTU para quem instalar câmeras de videomonitoramento em Concórdia

Incentivar os concordienses a auxiliar no monitoramento da cidade é um dos principais objetivos do Projeto de Lei 22/2019, que tramita no Legislativo. O documento está sendo analisado pelas comissões e dispõe sobre o desconto de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) às empresas e aos munícipes que instalarem câmaras de videomonitoramento. O programa foi batizado de Cidade Vigiada e a sugestão é de autoria do vereador Mauro Fretta (PSB).

Vereadores aprovam suplementação de mais de R$ 2 milhões à Saúde de Concórdia
Vereadores aprovam suplementação de mais de R$ 2 milhões à Saúde de Concórdia

Em sessão extraordinária nesta segunda-feira (10), os vereadores aprovaram em segunda votação o Projeto de Lei 38/2019, que autoriza o Executivo a suplementar R$ 2,1 milhões à Saúde de Concórdia. O presidente do Legislativo, Mauro Fretta (PSB), fez questão de dar celeridade à votação, embora tenha cobrado que ficasse claro no documento onde os recursos serão aplicados.

Projeto que dispõe sobre a Política Pública de Atendimento Psicopedagógico nas escolas é aprovado na Câmara
Projeto que dispõe sobre a Política Pública de Atendimento Psicopedagógico nas escolas é aprovado na Câmara

Foi aprovado em primeira votação nesta quinta-feira (6) na Câmara de Vereadores o projeto que dispõe sobre a Política Pública de Atendimento Psicopedagógico e Neuropsicopedagógico nas escolas da rede pública de ensino do Município de Concórdia. O documento é de autoria do vereador Evandro Pegoraro (PT) e a sessão foi acompanhada por diversos profissionais da área da educação.

Casagrande defende revisão de velocidade permitida em algumas rodovias
Casagrande defende revisão de velocidade permitida em algumas rodovias

O vereador Claiton Casagrande (PL) teve aprovado nesta quinta-feira (6) um Requerimento em que solicita às autoridades estaduais e nacionais para que estudem a possibilidade da majoração da velocidade regulamentar nas rodovias já implantadas, com base no disposto no Artigo 61 da Lei Nº 9.503, de 23 de Setembro de 1997, alterado pela Lei Nº 13.281, de 4 de maio de 2016. Na prática, o documento requer a definição das máximas em alguns trechos.

Edno cobra mais atenção à manutenção do calçadão em Concórdia
Edno cobra mais atenção à manutenção do calçadão em Concórdia

Através de fotos que mostram a precariedade de alguns pontos do calçadão de Concórdia, o vereador Edno Gonçalves (PDT) cobrou novamente mais atenção à manutenção do local. Através de um pedido de informação aprovado nesta quinta-feira (6), ele solicita ao Executivo que seja informado qual a data da última manutenção realizada no calçadão, com a cópia da nota fiscal.